II Encontro dos Secretariados Provinciais – Para a Evangelização na Europa, hoje

II Encontro dos Secretariados Provinciais – Para a Evangelização na Europa, hoje

Entre os dias 6 e 9 de novembro de 2023, realizou-se II encontro, a nível da Ordem, na Cúria Geral, em Roma, cujo tema foi “As novas formas de vida e envangelização na Europa, Hoje”.

Participaram, para além do Secretário-geral para o Ministério da Evangelização, Frei Francisco Gomez Vargas e do Secretário para a Evangelização, da Província Portuguesa da Ordem Franciscana, Frei José Dias de Lima, os secretários para a Evangelização, das províncias da Holanda; Republica Checa; Norte de Itália; Assis; Toscana, Eslovénia, Áustria, França-Bélgica, Sta Maria dos Anjos e Assunzione BVM (ambas da Polónia) Irlanda e ainda da Custódia do Bom Pastor (Zimbabwe); Togo; e Congo Brazzaville, estas três últimas, também presentes, apesar de não pertencerem ao continente Europeu, mas abertas aos novos desafios que o mundo lança à Ordem.

Este foi o segundo encontro, em continuação do realizado no ano anterior, e que teve como as duas línguas oficiais, o Inglês e o Italiano, acessíveis aos irmãos de outras línguas. O dia 7 foi o encontro com o Ministro Geral, Frei Maximo Fusarelli, que partilhou, com os participantes um pouco das “novas formas de vida” que encontrou, durante as sua visita às diversas províncias de várias partes do Globo, e a conexão com a evangelização hoje, ao que se seguiu um diálogo e partilha.

Subsídio essencial para estes dois encontros, o realizado o ano 2022, e o realizado este ano de 2023, foi o documento “Ite, nunciate…” que apresenta as linhas mestras sobre as “Novas Formas de Vida e Evangelização da Ordem dos Frades Menores” publicado em 20 de Abril de 2014, Páscoa da Ressurreição, e prefaciado pelo então Ministro Geral, Frei Michael Anthony Perry.

Tendo sido pedido, a cada participante, que apresentasse alguns pontos que lhe parecessem importantes ter em conta, na implantação de “novas formas de vida e evangelização, Frei José Lima, por Portugal, apresentou quatro pontos tendo-os desenvolvido no encontro: 1-Evangelização e missão: ire per mundum;  2-Os projetos pessoais por mais meritórios e louváveis que sejam não podem sobrepor-se ou ser indiferentes ao projeto de vida fraterna; 3 -É chegado o tempo de irmos ao encontro dos “buscadores” e dos mendicantes deste tempo; A presença no continente digital.

Como ideia geral, nesta abertura às novas formas de vida, ficou a certeza de que é imperioso sair do pequeno claustro conventual, para caminhar pelo grande claustro do mundo, para encontrar, aprender, anunciar, e, sobretudo, estar com todos e que, o projeto de uma Igreja onde cabem “todos…todos…todos” apresentada pelo Papa Francisco, tem sentido na perspetiva franciscana de ver o mundo e de se encontrar com o mundo, mormente o mundo das periferias, dos últimos e daqueles que a sociedade descarta.

Frei José Dias de Lima, OFM